sábado , 29 abril 2017
Home / Cidade / Ação misteriosa em e-mails da Prefeitura de Capelinha trava 11 secretarias municipais

Ação misteriosa em e-mails da Prefeitura de Capelinha trava 11 secretarias municipais

Fato foi descoberto no dia 4 de janeiro. Polícia Civil vai investigar o caso e, após confirmada a autoria, será realizada denúncia no Ministério Público

invasao-cibernetica

No último dia 4 de janeiro, 11 secretarias municipais de Capelinha tiveram seus serviços travados após sumirem, misteriosamente, dados eletrônicos de e-mails da administração pública municipal. Foi realizada uma investigação interna para apuração dos fatos. A Polícia Militar registrou ocorrência e a Polícia Civil abrirá inquérito para investigar o caso. Caso seja identificada a autoria da ação, o inquérito será encaminhado ao Ministério Público para as providências cabíveis.

Na tarde do dia 6 de janeiro, o serviço foi normalizado nas secretarias atingidas. Os dados de e-mails que misteriosamente sumiram são das pastas de Administração, Compras, Convênios, Engenharia, Finanças, Gabinete, Licitação, Ouvidoria, Patrimônio, Recursos Humanos e Vigilância Sanitária. Nas pastas de Agricultura, Comunicação, Contabilidade, Controle Interno, Cultura, Educação, Esportes, Meio ambiente, Procuradoria, Saúde, Social e Tributação permaneceram alguns dados, porém em alguns casos só há os registros até o ano de 2014.

O OCORRIDO
O Setor de Comunicação da Prefeitura recebeu a senha de acesso ao site por volta das 10h do dia 4 de janeiro, fornecida pelo analista de sistema responsável pela criação e manutenção do site. Desse período até as 14h foram apagados os dados das 11 secretarias, e os trabalhos das pastas atingidas ficaram travados. No Setor de Licitações e no Setor de Convênios, por exemplo, foram perdidos todos os e-mails recebidos e enviados nos últimos anos, incluindo a comunicação realizada entre os governos Estadual e Federal.

INVESTIGAÇÃO INTERNA
O prefeito Tadeuzinho determinou uma investigação interna, coordenada pelo secretário de Governo Aléquison Gomes, com o auxílio da Assessoria Jurídica, através das informações levantadas pelo Setor de Comunicação da Prefeitura. A empresa Hosting Machine, que hospeda o site da Prefeitura em seu domínio, passou à administração municipal quem são os dois contatos detentores dos dados de acesso à administração da conta da Prefeitura.

Ainda segundo a Hosting Machine, através do consultor Braian Montoro, somente estes contatos poderiam ter acesso ao CPanel – painel de controle onde estão localizados todos os serviços disponíveis da hospedagem do site. São serviços como e-mails, banco de dados, instalação de aplicações, entre outros. Quem tem acesso ao CPanel pode também gerir todo o conteúdo do portal institucional, onde é realizada a publicação de notícias e outros conteúdos.

CASO DE POLÍCIA
Após a investigação, o Setor de Comunicação da Prefeitura conseguiu travar a ação de invasores no site oficial e nos e-mails administrativos. A Polícia Militar foi acionada e registrou ocorrência. O município encaminhou o caso à Polícia Civil, que vai abrir inquérito para investigar quem apagou os dados dos e-mails das 11 secretarias municipais. O procurador jurídico do município, Sebastião Martins, informou: “Foi protocolado notícia-crime na Polícia Civil, objetivando a apuração dos fatos através da instauração de inquérito policial”.

Outros dados da investigação interna da Prefeitura de Capelinha serão mantidos em sigilo até que seja concluído o inquérito e apontada a autoria dos fatos.

EXPEDIENTE INTERNO
A Prefeitura de Capelinha comunica que, por causa dos transtornos causados com o travamento das secretarias municipais, realizará apenas procedimentos internos até o dia 27 de janeiro. Neste período não haverá atendimento ao público. A medida se dá para organização interna dos serviços administrativos. O atendimento ao público na Prefeitura de Capelinha será retomado no dia 30 de janeiro. Mais informações pelo telefone (33) 3516-1348.

FONTE: ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO DA PREFEITURA DE CAPELINHA

Veja Também

Cartaz Campanha livros para presos2

Projeto do Ministério Público de Capelinha troca leitura por redução da pena

Comunidade pode colaborar com a doação de livros     Com o objetivo de melhorar ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *